Ver Angola

Saúde

Covid-19: África com mais 241 mortos e 6032 infectados nas últimas 24 horas

África registou mais 241 mortes associadas à covid-19 nas últimas 24 horas, para um total de 116.506 desde o início da pandemia, e 6032 novos casos de infecção, segundo os dados oficiais mais recentes no continente.

:

De acordo com o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), o número total de infectados nos 55 Estados-membros da organização é de 4.375.876 e o de recuperados da doença nas últimas 24 horas é de 8817, para um total de 3.928.272 desde o início da pandemia.

A África Austral continua a ser região mais afectada, registando 1.932.452 infectados e 60.909 mortos associados ao contágio com a doença. Nesta região, a África do Sul, o país mais atingido pela covid-19 no continente, regista 1.559.960 casos e 53.423 mortes.

O Norte de África é a segunda zona mais atingida, com 1.299.024 infectados e 37.367 vítimas mortais.

A África Oriental contabiliza 553.773 infecções e 10.048 mortos, enquanto na África Ocidental o número de infecções é de 445.958 e o de mortes ascende a 5863. A África Central contabiliza 144.669 casos de infecção e 2319 óbitos.

O Egipto, que é o segundo país africano com mais vítimas mortais, a seguir à África do Sul, regista 12.526 mortes e 212.130 infectados, seguindo-se a Tunísia, com 9480 óbitos e 276.727 casos de infecção.Marrocos regista 502.961 casos de infecção e 8915 mortes associadas à covid-19.

Entre os países mais afectados estão também a Argélia, com 3137 mortos e 118.707 infectados, e a Etiópia, com 3230 vítimas mortais e 232.512 infecções.

Em relação aos países de língua oficial portuguesa, Moçambique regista 794 mortes e 68.927 casos, seguindo-se Angola (557 óbitos e 23.841 casos de infecção), Cabo Verde (188 mortos e 19.525 casos), Guiné Equatorial (106 óbitos e 7259 casos), Guiné-Bissau (66 mortos e 3694 casos) e São Tomé e Príncipe (35 mortos e 2268 casos).