Ver Angola

Cultura

“Ar Condicionado” vence prémio em festival no Egipto

O júri da 10.ª edição do Luxor African Film Festival, que decorreu no Cairo, Egipto, foi conquistado pela criatividade do filme angolano “Ar Condicionado”, tendo-lhe atribuído o prémio do júri daquela edição do festival.

:

Segundo Ngoisalucombo, responsável da productora Geração 80, foi a ousadia e criatividade da longa-metragem do realizador angolano Fradique que despertou a atenção do júri e, consequentemente, lhe deu direito à vitória.

O Luxor African Film Festival decorreu entre 25 e 31 de Março. O júri era composto pelo egípcio Sayed Fouad, Mahmoud Hemeida, Kamia Abouzekri e os malianos Cheick Oumar Sissoko e Souleymane Cissé.

Citado pelo Mercado, o responsável da Geração 80 afirmou que o filme angolano tem sido presença assídua em vários festivais de cinema internacionais, o que demonstra que a longa-metragem conseguiu vincar a sua posição no mercado cinematográfico.

A par deste festival no Egipto, "Ar Condicionado" vai agora partir para os Estados Unidos, onde será exibido no New African Film Festival, este mês. Depois seguirá para a VI edição de Mostra de Cinema Negro de Sergipe, no Brasil.

A estreia mundial do filme foi no Festival Internacional de Cinema de Roterdão, nos Países Baixos, no ano passado. Depois disso, a longa-metragem já foi apresentada em 38 festivais na Lituânia, Austrália, Espanha, Índia, Quénia, China e Estados Unidos da América.

"Ar Condiconado" conta a história de um guarda e de uma empregada doméstica que têm de recuperar o ar-condicionado do seu patrão quando os aparelhos começam a cair misteriosamente dos apartamentos de Luanda.

Relacionado