Ver Angola

Defesa

CISP recebeu 21 mil chamadas inválidas. Números poderão ser colocados numa lista negra

Nas últimas 24 horas, o Centro Integrado de Segurança Pública (CISP) recebeu 21 mil chamadas inválidas. Autoridades consideram que o uso excessivo do número de emergência (111) perturba o bom funcionamento da linha, admitindo que os números dos cidadãos que ligam sem razão válida poderão vir a ser bloqueados e colocados numa lista negra.

:

Só nas últimas 24 horas, o CISP recebeu mais de 24 mil chamadas, no entanto, apenas cerca de três mil foram justificadas. A revelação foi feita pelo porta-voz das forças de defesa e segurança Waldemar José.

Considerando que o mau uso do número de emergência, o terminal 111, pode perturbar o atendimento adequado a casos realmente urgentes, Waldemar José fez saber que o CISP recebe cerca de 20 mil chamadas por dia, das quais 90 por cento são inválidas.

Perante os números, o responsável admitiu, citado pela Angop, que os números de pessoas que ligam sem razão poderão vir a ser bloqueados e colocados numa lista negra.

O responsável aproveitou ainda para lembrar que o estado de emergência, em vigor até dia 11 de Abril, limita a circulação da população, apelando para que os cidadãos apenas saiam de casa em situações de urgência, como a compra de bens essenciais.