Ver Angola

Economia

Western Union e Rucâmbio colaboram nas transferências de dinheiro em Angola

Western Union, líder em serviços globais de pagamento, e a Rucâmbio, prestadora de serviços de câmbio em Angola, anunciaram esta terça-feira a assinatura de um acordo para fornecer os serviços de transferências da Western Union aos clientes através da sua rede. Este acordo permitirá aos clientes enviar e receber pagamentos locais e internacionais em minutos a partir das localizações privilegiadas da Rucâmbio em Luanda.

:

De acordo com um comunicado remetido ao VerAngola, este acordo é um marco significativo na medida em que a Rucâmbio é o primeiro agente não bancário, nem pertencente aos serviços de correio no país a firmar uma parceria com a Western Union. A expectativa é que esta nova categoria complemente as redes da Western Union existentes, quer bancárias, quer do serviço de Correios de Angola com benefícios de conveniência para os clientes e de horas adicionais de operação.

"Estamos muito satisfeitos por iniciar esta colaboração com a Rucâmbio e estamos confiantes que este acordo venha a expandir a oferta de serviços da Western Union em Angola. Tendo dado início à nossa colaboração com os serviços de correios angolanos no ano passado, temos visto as vantagens para os cidadãos do país que beneficiam, através da utilização dos nossos serviços, maior facilidade em enviar e receber dinheiro entre os seus familiares e entes queridos", afirma Richard Malcolm, vice-presidente regional da Western Union para a África do Sul e Oriental.

A Western Union tem como objectivo proporcionar opções formais de remessas, acessíveis para todos em Angola, um mercado estratégico para a Western Union em África, acrescenta o documento. "Estamos focados em tornar as transferências e remessas mais acessíveis, e acredito que este é o primeiro passo no sentido de aumentar a inclusão financeira em Angola. Este acordo demonstra o valor que a nossa rede internacional tem para agentes envolvidos, neste caso para um operador de câmbio em Angola, tal como acontece em outras partes do mundo", acrescentou ainda o responsável.

Rui Jorge de Carvalho, director-geral da Rucâmbio, concorda e adianta "estamos satisfeitos por trabalhar com a Western Union, uma empresa multinacional com mais de 160 anos de experiência. As remessas que agora oferecemos permitem que os nossos clientes enviem dinheiro dentro de Angola e para o exterior com rapidez e eficiência, sempre assegurando o cumprimento rigoroso da legislação em vigor do Banco Nacional de Angola e proporcionando, aos nossos clientes, a segurança que eles desejam".