Ver Angola

Energia

ANPG e parceiros apostam nas energias renováveis para apoiar as comunidades

A Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANPG), na qualidade de Concessionária Nacional, a Eni Angola, operadora do Bloco 15/06, e os seus parceiros Sonangol P&P e Sinopec oficializaram esta Sexta-feira a entrega de mais um sistema solar de 12 KW ao Centro de Saúde do Kididi, no município de Belas, em Luanda.

:

Esta acção de apoio social contou, entre outras, com a presença do Director Nacional dos Petróleos, Alcides Santos, do Gerente do Bloco 15/06, Américo do Nascimento, em representação da ANPG, e do Director Geral da Eni em Angola, Matteo Bacchini.

Na ocasião, o Director Nacional dos Petróleos congratulou-se com a capacidade que a ANPG, as operadoras e os seus parceiros têm tido para apoiar socialmente as comunidades angolanas. "Um apoio que em muito contribui para que as populações tenham acesso a bens essenciais como é o da prestação de bons cuidados de saúde", sublinhou Alcides Santos.

Em comunicado remetido ao VerAngola, o representante da ANPG refere que esta é mais uma acção que contribui para o bem comum e que fomenta em Angola o uso das energias renováveis, algo que vem sendo cada vez mais habitual em todo o mundo, uma vez que contribui para o aproveitamento de recursos naturais e para a preservação do ambiente.

Para além disso, Américo do Nascimento sublinha a importância que este projecto de electrificação dos centros de saúde tem para o país e para as populações que cada um deles serve. "Esta acção é mais um passo que damos para a melhoria das condições de vida das populações, mais especificamente na questão da saúde. É algo de que nos podemos e devemos orgulhar – todos nós: ANPG, Eni Angola e parceiros do Bloco 15/06".

Já Matteo Bacchini, Director-geral da Eni Angola, está não só satisfeito com a presença da empresa no país e com o trabalho em curso no sector petrolífero, uma vez que Angola é um mercado importante para a operação desta multinacional italiana, mas também com os resultados já alcançados com este projecto de apoio social. "Recordo que este é já o 11º sistema solar que entregámos, o que significa que com este projecto já levámos até ao momento energia diariamente a comunidades diferentes nas províncias de Luanda, Huíla e Namibe. E não vamos ficar por aqui. Vamos continuar a trabalhar e a apostar nos nossos valores de cidadania e no apoio que possamos fazer chegar às comunidades de Angola, um país que tão bem nos tem acolhido", sublinhou o responsável.