Ver Angola

Educação

FACUL: a plataforma que quer ajudar os estudantes a terem acesso a conteúdos académicos

Foi lançada, esta Quinta-feira, em Luanda, uma plataforma digital que visa inovar e melhorar a qualidade do ensino no país. Designada "FACUL", a plataforma pretende ajudar os estudantes a terem acesso a ferramentas e conteúdos académicos, facilitando o processo de procura por materiais científicos e referências bibliográficas.

:

De acordo com Venceslau Pascoal, um dos membros do projecto, esta plataforma pretende combater as falhas que existem no ensino superior. Mas como? A "FACUL" vai disponibilizar ferramentas e conteúdos aos estudantes, facilitando a procura por materiais científicos.

O responsável, citado pelo Jornal de Angola, explicou que o objectivo da plataforma é melhorar e aumentar a qualidade do ensino no país. A "FACUL" vai ajudar todos os estudantes universitários do país a encontrarem documentos que suportem ou ajudem nas suas investigações científicas ou em consultas bibliográficas.

A plataforma também será uma mais valia para os alunos que acabaram o ensino médio e querem ingressar no ensino superior, disse. De acordo com Venceslau Pascoal, esses alunos podem encontrar materiais preparatórios na plataforma, que os deixarão mais informados sobre o ensino superior.

Todos os interessados em ter acesso à plataforma podem inscrever-se no site facul.ao. Venceslau Pascoal adiantou que os interessados deverão pagar cinco mil kwanzas para terem acesso a conteúdos científicos e académicos.

A plataforma será ainda composta por uma biblioteca virtual e vídeo-aulas de diferentes áreas. Numa fase inicial deverá ficar disponível uma biblioteca para o curso de Direito e, mais à frente, entrarão conteúdos para os cursos de Psicologia, Gestão, Economia, Sociologia, Arquitectura, Recursos Humanos e Medicina.

Na realização da plataforma, participaram 32 pessoas, entre estudantes universitários e professores de várias universidades da capital, com conhecimentos em diversas áreas da ciência.