Ver Angola

Sociedade

Centrooptico oferece consultas e óculos a crianças de associação luandense

O Centrooptico permitiu a crianças e jovens da Associação de Solidariedade a Crianças e Adolescentes entraram em 2021 preparadas para ver o novo ano “com outros olhos”. 

:

A marca ofereceu 44 rastreios, realizados na Associação de Solidariedade a Crianças e Adolescentes, em Luanda, no passado mês de Dezembro, de que beneficiaram as crianças, jovens e funcionários desta instituição.

Após os rastreios, foi necessária a realização de diagnósticos visuais através de consultas de optometria a 22 pessoas, confirmando-se a existência de defeitos refractivos na visão - miopias, hipermetropias e astigmatismos - em todas as pessoas deste grupo, resultando na necessidade de passarem a usar óculos.

O optometrista do Centrooptico emitiu uma receita com a graduação adequada a cada caso e, após a consulta, as crianças puderam escolher as suas armações preferidas, permitindo-lhes levar os seus óculos no próprio dia.

Um comunicado remetido ao VerAngola explica que esta acção ser insere no plano de responsabilidade social do Centrooptico, tendo envolvido a oferta de 44 rastreios, 22 consultas de optometria, um óculo graduado para um adulto e 19 óculos graduados para crianças e jovens, entre os 10 e os 19 anos.

“É sempre uma grande alegria podermos apoiar quem mais precisa. Estas crianças e jovens passam a ter uma qualidade de vida muito superior, a partir do momento em que as suas necessidades visuais são colmatadas. Para o Centrooptico a saúde e o bem-estar das pessoas que fazem parte das nossas comunidades são uma prioridade e, por isso, sentimo-nos muito honrados por termos a oportunidade de ajudar estas crianças a verem o futuro com mais saúde”, afirmou José Geraldes, director técnico do Centrooptico.