Ana Paula Tavares homenageada na iniciativa "Escritor do Mês"

:
  

De 11-03-2019 até 25-03-2019

Na 14.ª edição do “Escritor do Mês na Biblioteca Camões”, que se realiza nos dias 11 e 25 de Março, a partir das 10H00, será revisitada a obra da escritora angolana Ana Paula Tavares.

Poeta, prosadora e professora, nasceu no Lubango, província da Huíla, em 1952. Viveu no Huambo, Gabela, Sumbe, Benguela e em Luanda. Iniciou o curso de História na Faculdade de Letras da Universidade Agostinho Neto em Luanda e concluiu a licenciatura na Universidade de Lisboa, onde também concluiu o Mestrado e Doutoramento em Literaturas Africanas de Língua Portuguesa. O seu vasto e diversificado percurso inclui incursões nas áreas da cultura, museologia, arqueologia, investigação científica e etnologia. Tem participado em comissões de estudo, simpósios e congressos. É membro da União Nacional dos Escritores Angolanos, da Associação Angolana do Ambiente e da Comissão Angolana da UNESCO. Actualmente, é docente na Universidade Católica de Lisboa e integra o grupo de investigadores que fazem o levantamento, nos arquivos portugueses, da documentação com importância para a história de Angola. Integra ainda o projecto “A Apropriação da Escrita pelos Africanos”. Colabora com a RDP África, com uma crónica semanal sobre assuntos nas áreasde História, Literatura e Cultura. A sua obra integra antologias publicadas em Angola, Portugal, Espanha, França, Itália, Brasil e Alemanha. 

Como poeta e escritora, tem dedicado uma particular atenção à condição da mulher em Angola. Entre a vasta obra de prosa e poesia publicada, cita-se “Ritos de Passagem” (2007), “Sangue da Buganvília” (1998), “O Lago da Lua (1999), “Diz-me Coisas Amargas como os Frutos” (2001), “Ex-votos” (2003), e “Manual para Amantes Desesperados (2004).

:
Show Solidário: Nayo Crazy

06-04-2019

:
Moda Luanda 2019

23-03-2019

Mais Lidas